Londres [dia 5: Portobello Road, Notting Hill]

ir para índice de Viagem a Londres

O passeio pelo comércio de rua (isso, no padrão de turista chegando a Londres) é ver as famosas Oxford e Regent Street e, num outro dia, bater perna em Portobello Road e Notting Hill. Separamos aqui em duas partes, mas, um apressadinho (bota apressado nisso), pode fazer tudo em um dia, tendo apenas que controlar o tempo dentro das lojas. Vejamos Portobello e Notting Hill.

Você pode vir de metrô ou ônibus para saltar na Notting Hill Gate. Se vier de ônibus, várias linhas vêm ladeando o Hyde Park, que é muito bonito e pode ser colocado também como ponto de início da caminhada. A caminhada que propomos pode ser vista no Google Maps. Começa na estação de metrô ou parada do ônibus de Notting Hill Gate. Dali, pega-se a Penbridge Road.

Londres

Um pouco mais adiante, toma-se à direita na desejada Portobello Road.

Londres

A rua parece com como poderia ser a rua do Lavradio, no Rio de Janeiro. Lojas de comércio descolado, algumas com produtos de muito boa qualidade, a maioria, com algo de interessante para ver. Aí, é praticar o esporte clássico do turista, andar aleatoriamente, comprar uma coisa ou outra e tirar muitas fotos das casas e lojas coloridas.

Londres

Em algum momento a fome chega. Uma boa pedida é parar na Negozio Classica (esquina de Portobello com, Westbourne Grove), restaurante de comidas da Toscana (perdão, mesmo em Londres, não resisti) e comer da boa burrata, presuntos e, claro, do vinho. Já que estamos na Toscana (o território do restaurante), pode-se praticar do Montepulciano ou Montalcino, para garantir a origem. A oferta de vinhos da casa é boa.

Londres

Depois do alimento, continua a andada em Portobello. A rota de saída é seguir até Westbourne Park Road, que oferece um ponto de ônibus com boas opções para retornar a seu hotel.

Uma opção para o passeio é em algum momento que olhar as lojinhas causar enfado, pegar uma transversal à direita da Portobello e descer de volta ao início da caminhada pela Kensigton Park Road. Um ponto de retorno para essa entrada à direita na Bienhein Crescent. Veja no Google Maps como fica o caminho. O turista vai descobrindo as curiosidades do local. A Travel Book Shop é uma lojinha simpática para se ver. A volta pela Kensigton também oferece a oportunidade de ver os muros dos jardins particulares da região nobre de Notting Hill. Vocês devem estar pensando nisso, mas não sei como encontrar o jardim e sentar no banco como no filme de Hugh Grant e Julia Roberts.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.